12/04/2011

Suspeita de morte por dengue na Paraíba

A dengue continua a assustar a população paraibana. No último domingo, foi registrado o primeiro caso de morte por suspeita de dengue hemorrágica em Campina Grande. A vítima foi Valdy Araújo Gama, 65 anos, ex-comandante do aeroclube de Campina Grande, que estava internado na Clínica Santa Clara desde o último dia 4. De acordo com a Gerência de Vigilância Epidemiológica, Valdy chegou ao hospital com os sintomas clássicos de dengue, como dores no corpo.

Contudo, foram identificados sinais de petequéia nas pernas, que são manchas arrocheadas que sinalizam micro-hemorragias. Quando internado, Valdy Araújo Gama foi submetido a exames de confirmação, e os resultados sairão até o fim desta semana.

De acordo com Elília Pombo, gerente de Vigilância Epidemiológica do município, a confirmação do quadro sairá o mais breve possível. “Os resultados dos exames ainda não estão prontos, mas ficarão o mais breve possível para a confirmação do caso. O paciente também pode ter sofrido de uma dengue com complicações, mas só a apuração identificará a real causa da morte. Caso seja confirmada a dengue hemorrágica, lamentavelmente, será o primeiro registro de morte na região de Campina, em 2011″, declarou. A reportagem do Diário da Borborema entrou em contato com a direção do Hospital, mas eles informaram que os dados do paciente encontram-se sob sigilo e só se pronunciarão após o resultado dos exames laboratoriais.

A gerente revela ainda que o estado clínico de Valdy Araújo Gama era delicado. “O caso está sendo investigado. Estamos com o prontuário do paciente para investigação do quadro. O prontuário revela que ele foi submetido a uma cirurgia de implantação de ponte de safena há dois meses e o organismo dele ainda se encontrava debilitado”.

De janeiro até 31 de março, foram notificados em Campina Grande 86 casos suspeitos da doença, onde nove foram confirmados e sete descartados. Os outros 69 aguardam o resultado.

Fonte: Jornal O Norte

Última atualização: 12/04/2011

Textos relacionados:

Combate à Dengue nas Redes Sociais

Deixe sua mensagem

(obrigatório)

(obrigatório)

Mensagem