18/02/2013

Cuidado: dengue se parece com outras viroses

O erro de diagnóstico que pode ter contribuído para a morte por dengue do pequeno Rafael Wanderson de Castro, 9 anos, reacendeu a discussão em torno da dificuldade de detectar a doença. O menino morreu dia 3 de fevereiro no Hospital Estadual Rocha Faria, em Campo Grande, e o óbito foi atestado como causado por meningite. “A dengue é causada por um vírus e, por isso, suas manifestações podem ser confundidas com outras viroses, como meningite, leptospirose e até gripe”, afirma o infectologista da UFRJ, Edimilson Migowski.

Um exame de sangue específico (coleta de líquor), cujo resultado saiu após a morte do paciente, indicou que o menino tinha, na verdade, dengue.

Segundo o especialista, por mais que existam semelhanças, alguns aspectos relacionados ao comportamento das infecções no corpo são essenciais para fechar o diagnóstico. A meningite e a leptospirose, por exemplo, são doenças cujos sintomas são graves logo no início.

“A dengue começa a se agravar a partir do quarto dia. É quando os sinais ficam mais agudos. As outras duas já no primeiro dia têm sintomas mais pesados”, explica.

‘Gripe seca’

Já a gripe apresenta os chamados “sintomas respiratórios”: coriza, tosse, dor na garganta. “A dor na garganta pode até aparecer levemente na dengue, mas os outros sintomas, não. Costumamos dizer que a dengue é como uma gripe seca”, disse.

Além disso, para melhorar o diagnóstico, é preciso que se analise outros fatores relacionados ao paciente, como histórico familiar e epidemiológico. “Se vizinhos tiveram dengue, por exemplo, é bem provável que o paciente também tenha a doença. Além disso, o médico deve sempre pedir exames de sangue”, orienta Migowski.

Guaratiba: medo do inseto

Moradores da região de Guaratiba, onde Rafael vivia, reclamam da falta de agentes de saúde no local antes da morte do menino. Segundo eles, os técnicos só estiveram na Avenida Carnaubeira, rua da família da criança, depois do dia 3 de fevereiro, data da morte. Guaratiba fica na região de Campo Grande e é a terceira pior área em número de casos de dengue: 1.625, atrás somente de Bangu e Madureira.

A Secretaria Municipal de Saúde negou as denúncias dos moradores. Segundo o órgão, Guaratiba recebeu fumacê, que combate o mosquito adulto, no final de dezembro por seis semanas. Além disso, a secretaria afirmou que dez agentes de saúde atuam no local e que, em dezembro, eles realizaram vistoria em imóveis e eliminaram focos do Aedes aegypti.

Cuba vai testar vacina em humanos

Pesquisadores cubanos anunciaram ontem que vão começar a testar em seres humanos, ainda este ano, uma vacina capaz de proteger contra os quatro tipos de dengue.

O diretor do Centro de Engenharia Genética e Biotecnologia (Cigb) de Cuba, Gerardo Guillén, afirmou que testes em macacos mostraram que a vacina controlou a multiplicação do vírus no organismo.

A pesquisadora Lisset Hermida, que coordena a equipe que executa o projeto, disse que ele começou a ser desenvolvido em 1992. O estágio atual está na fase de testes pré-clínicos em primatas, que antecede as provas realizadas com humanos.

No Brasil, testes em humanos com uma vacina produzida pelo laboratório Sanofi Pasteur já estão sendo realizados desde agosto em cinco capitais: Campo Grande, Fortaleza, Goiânia, Natal e Vitória. Esse não é o único grupo de pesquisadores brasileiros empenhado em elaborar uma vacina para a dengue. O Instituto Butantan, vinculado ao governo do estado de São Paulo, e à Fundação Oswaldo Cruz, do governo federal, também têm projetos para elaborar uma vacina.

Proteja-se

REPELENTE – Deve ser usado principalmente em crianças. O ideal é limitar o uso até três vezes por dia. E só utilizar sob orientação médica.

AR-CONDICIONADO – O Aedes aegypti não gosta de lugares frios. Ligar o ar não é garantia de se livrar do mosquito, mas ajuda.

PREVENÇÃO - Não adianta só cuidar da própria casa. Cobre prevenção da escola onde seu filho estuda, do local onde você trabalha e até dos seus vizinhos. Todos precisam colaborar.

Fonte: O Dia Online

Última atualização: 18/02/2013

Textos relacionados:

Combate à Dengue nas Redes Sociais


10 Comentários Publicados

  • Blog Paramédico – Produtos Hospitalares em Fortaleza — 14/03/2012 @ 16:24

    [...] informações de Combate à Dengue e Drauzio Varella. //           (0) voto(s).   [...]


  • clara menezes landgraf — 17/03/2012 @ 15:49

    moro na cidade de Balsas ,interior do maranhao, fui picada por mosquito da dengue as 12 hrs, e consegui capiturar tres deles e guardei em um vidro, para telefonar para a Vigilancia Sanitaria, se é que podemos chama de vigilancia; teefonei ,fui ate a saude da prefeitura e nao conse gui alguem que viesse em minha casa. M oro no terceiro andar e da minha sacada vejo duas caixas d*agua sem a tampa. O que me revolta é o descaso destes funcionario os quais estao sendo pagos para esta funçao e nao as cumpri.


  • leiliene maximiano de assis — 20/03/2012 @ 14:51

    Moro em Capinópois mg, na minha casa 3 pessoas pegaram dengue, meu marido é que não melhora ja 15 dias com a dengue. Agora dizem que é uma casa vizinha que pertence ao estado que tem focos, mas que o município não pode mexer ou seja limpar. Agora que absurdo, a casa era de juizes que viam morar na cidade, agora está acabando com o tempo, e, acabando com as pessoas também…BRASIL…quem paga o pato sempre é o povo.


  • vilmar — 05/04/2012 @ 8:27

    como combater?? se as pessoas só se concientizam depois que adquirem a doença!!! e as empresas muitas veses suburnam os agentes com dinheiro e outros beneficios para não serem fiscalizados!!!! onde eu trabalho tem muitos criadouros do mosquito mas os tecnicos do meio ambiente da empresa , não fasem nada!!!!!!!! estamos mortos!!!!!


  • eliane moreira — 28/04/2012 @ 12:08

    bom dia moro em Bangu rio de janeiro atrás da minha casa tem um terreno baldio mais tem dono que ja esta a par do problema só que não toma uma solução fica na rua catiri sem nu este terreno esta cheio de matos e é alagado onde funciona uma oficina de marcenaria cozinhas planejadas ja houve varios casos de dengue aqui na minha rua peço por favor tomem providencias e que Deus nos guarde


  • ranna — 08/05/2012 @ 21:33

    eu queria sabe qual e o sintomas da dengue tipo 4


  • valeska santos — 09/11/2012 @ 21:50

    evite as caixa d aqua


  • valeska santos — 09/11/2012 @ 21:51

    eviote as aqua vcs pode te uma boa saude bjs


  • luciana — 10/02/2014 @ 21:20

    oi linda td bem cm vc


  • Elina - Sobre Dengue — 08/04/2014 @ 14:29

    Muito mais vale prevenir e procurar um médico nos primeiros sintomas da doença, que depois ter que remediar e acabar no hospital.

    http://sintomasdadengue.net.br/



Deixe sua mensagem

(obrigatório)

(obrigatório)

Mensagem